X

Adega de vinhos: como montar o espaço para os amantes da bebida 

9 de junho de 2022

Adega de vinhos: como montar o espaço para os amantes da bebida 

O conceito de adega de vinhos é sinônimo de sofisticação e elegância, e um privilégio para poucos. Nesse ínterim é que uma das bebidas mais famosas do mundo entra em cena. 

Requintada e cheia de garbo, a bebida pode trazer inúmeros benefícios para a saúde, além de ser uma boa pedida para um momento relaxante. No entanto, para ter uma adega de vinhos em seu ambiente, é essencial tomar alguns cuidados. 

Como montar o espaço para uma adega de vinhos?  

Primordialmente, o que deve ser feito é preparar um local adequado. Assim, as características da bebida serão mantidas e as perdas sensoriais evitadas. Desse modo, preparar o espaço apropriado para uma adega de vinhos em casa é crucial para os amantes da bebida. 

Além disso, esse local também pode ser decorado, tornando possível desfrutar de um bom vinho em um ambiente requintado. 

Você conhece os tipos de adegas?

Do mesmo modo que escolher o local adequado é importante, conhecer os tipos de adegas também é. Saiba um pouco mais abaixo. 

Adega passiva

É um dos estilos mais comuns. Afinal, funciona adequadamente sem precisar de muitas particularidades. Ela atua praticamente por conta própria, apenas utilizando sua estrutura.  

Adega termoelétrica

Esse tipo de adega utiliza a eletricidade para que seu interior permaneça com as condições adequadas para o vinho. No entanto, a troca de calor com o lado de fora permite que o uso de energia para seu funcionamento seja mínimo. Esse estilo é recomendado para quem vive em lugares não tão quentes e ou tão frios. 

Adega com compressor

São ideais para quem tem vinhos caros ou mora em lugares onde as temperaturas são mais quentes. Porém, elas demandam um pouco mais de energia para que o ambiente seja resfriado. 

É possível também escolher diferentes tipos de temperatura para cada canto da adega, deixando o ambiente adequado para cada sessão de garrafas. 

Como montar uma adega de vinhos em seu ambiente? 

Para poder desfrutar de um bom vinho com conforto e praticidade é necessário se atentar a alguns pontos. Veja abaixo. 

Escolha o local adequado 

Diversos locais podem ser escolhidos para abrigar bons vinhos. Um cômodo perto das principais áreas de movimentação ou até mesmo a parede da sala, por exemplo, funcionam bem. 

Defina a madeira 

A madeira permite a manutenção da temperatura do ambiente interno de forma adequada. Frequentemente, madeiras do tipo mogno são utilizadas por quem possui adega de vinhos em casa. 

Utensílios

É preciso pensar em diversos pontos importantes para a montagem de uma adega de vinhos ideal. Logo, escolher bem os acessórios que farão a composição, como prateleiras, taças e saca-rolhas, é fundamental. 

Lembre-se: as garrafas devem ficar na horizontal. Portanto, opte por prateleiras que permitam essa condição. 

Fique de olho na temperatura

A temperatura é um fator importantíssimo para a preservação e envelhecimento adequado do vinho, ou seja, precisa de muita atenção. O ideal é manter a temperatura entre 12° e 16°.  

Atente-se à iluminação

A iluminação é um fator crucial para manter o vinho em bom estado de conservação. Os raios de luz provocam alterações químicas na bebida e alteram o sabor da mesma também. Para evitar que o vinho envelheça prematuramente, é recomendado que o local seja o mais escuro possível.  

Você sabia que a umidade é importante? 

Por fim, é importante saber que a umidade preserva a rolha que veda a garrafa, uma das partes fundamentais do recipiente. Com a umidade alta, a rolha pode criar fungos que danificam sua estrutura, podendo oxidar o vinho.  

Dessa forma, a média de umidade deve ficar na casa de 70%. Porém, os níveis considerados seguros variam entre 50% e 80%. 

Gostou do conteúdo? Para mais dicas, acesse nosso blog e confira conteúdos que podem te auxiliar com seu empreendimento.  

SIMILARES

17 de agosto de 2023

Roteiro gastronômico nos Jardins: confira 8 dicas de restaurantes

6 de abril de 2023

Fuja do caos e do estresse diário: aproveite os parques de São Paulo para relaxar

Comentários

Nenhum comentário

Deixe o seu comentário!

  +  71  =  78